Paris Brest (individuais) para vos adoçar o fim de semana


Para quem não conhece, o Paris-Brest é um doce francês que foi criado para homenagear uma prova de ciclismo que se disputava entre as duas localidades (Paris-Brest-Paris). Julgo que ainda agora se disputa mas de forma amadora (não tenho a certeza). O docinho tem este formato redondo para simbolizar a roda da bicicleta. 
Tanto eu como o marido somos uns apaixonados por ciclismo e já agora por pastelaria (ele é mais comer mas também conta). Já há algumas semanas que ele me perguntava quando voltava a fazer o Paris Brest e assim eu decidi fazer-lhe este pequeno miminho que ele adorou! Fico tão contente e realizada quando faço as pessoas felizes com aquilo que preparo para elas com tanto amor e carinho. Cozinhar assim é sem dúvida uma forma de amor. 
Bem, os pequenos Paris Brest ficaram aprovados e desapareceram a alta velocidade. 
Esta é a sugestão que vos deixo para o fim de semana, convido-vos a fazerem e experimentarem. Tenho a certeza que vão gostar.
Bom fim de semana.


Ingredientes:
Para a massa choux:
- 1,5 dl de água
- 1dl de leite
- 1 pitada de sal
- 100gr de manteiga
- 150gr de farinha
- 4 ovos


Para o creme pasteleiro:
- 250ml de leite
- 3 gemas
- 100gr de açúcar
- 1 colher de sopa de amido de milho
- casca de limão
- 1 pau de canela

Para a cobertura:
- 100gr de chocolate 50% de cacau
- açúcar em pó q.b.


Preparação:
Vamos começar por preparar a massa choux.
Leve ao lume um tacho com a água, o leite, a manteiga e uma pitada de sal.
Quando ferver adicione a farinha de uma só vez.
Mexa bem com uma colher de pau para a massa não colar ao tacho enquanto coze.
Retire o tacho do lume e junte os ovos à massa, um de cada vez e amasse bem entre cada adição.
A massa deve ficar lisa.
Forre um tabuleiro com papel vegetal. Coloque a massa num saco pasteleiro e disponha-a no papel vegetal de forma a fazer pequenos círculos. 
Coloque a cozer no forno preaquecido a 170ºC até estar bem seca e douradinha, demorou cerca de 25/30 minutos.

Preparação do creme pasteleiro:
Leve ao lume o leite com a casca de limão e o pau de canela. Deixe ferver.
À parte bata as gemas, o açúcar e o amido de milho. Se for necessário para ajudar a dissolver, junte um pouco de leite frio.
Assim que o leite ferver misture-o às gemas, sempre a bater para não acabar com ovos mexidos. Leve novamente ao lume até engrossar. Reserve.

Quando os Paris Brest estiverem frios, abra-os ao meio com uma faca. 
Coloque o creme pasteleiro (também ele frio) num saco pasteleiro para assim ser mais fácil rechear os Paris Brest. 
Por fim, derreta o chocolate em banho maria e cubra os seus Paris Brest com ele.
Sirva polvilhados com um pouco de açúcar em pó e viagem até Paris em cada dentada.
Bom apetite.


Já aqui vos tinha apresentado uma versão deste delicioso doce, recheado com chantilly e morangos. Para verem cliquem AQUI

4 comentários:

  1. Olha, digo-te que gosto muito mais desses paris brest individuais! Muito mais práticos de comer! Ficaram lindos! Tenho uma travessa igualzinha a essa! E por falar em louças deixa-me contar-te uma situação caricata que me aconteceu outro dia a respeito das louças antigas e lascadas! Há uns dias entrei numa loja pois deparei-me com um caneco (caneca) de esmalte. Era igualzinho a um que eu usava em casa de uma tia quando eu era miúda! Até já vinha com aqueles defeitos feitos propositadamente para parecer que é antigo! Não hesitei e comprei logo, não só porque acho giro, mas também porque me traz muito boas recordações de infância e ainda por cima as peças de esmalte estão novamente na moda! Saí da loja e o meu marido diz-me assim: "c'um caneco, não acredito que entrámos só para comprares um tareco que ainda por cima tem defeito!". Ele às vezes diz estas piadas mas no fundo compreende perfeitamente a minha paixão por peças de louça e principalmente por peças antigas! Mas se formos a ver bem é verdade, há muitas peças novas à venda que já vem com "defeito" para parecem peças antiquadas! Por isso não temos de ter vergonha nenhuma de exibir as nossas peças antigas por mais lascadas que estejam! beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Não conhecia este doce mas agora que conheço quero provar! :) Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  3. Adorei a versão individual! Que delicias que devem ser!
    Beijinho e bom fim de semana.
    asreceitasdamaegalinha.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  4. Não conhecia, mas são mesmo apetitosos :)

    ResponderEliminar