Alguns dos pedidos de ajuda que recebo, por parte dos leitores do blogues, é de ideias/receitas para congelar. É verdade que há sempre aqueles clássicos, como empadão, lasanha, entre várias outras coisas, mas eu tenho tentado criar algumas receitas diferentes. Há uns tempos publiquei um Chili de Frango, perfeito para congelar e ter o jantar pronto em pouco tempo e, hoje, partilho com vocês quatro marinadas deliciosas e muito práticas. Eu fiz todas estas experiências com peito de frango mas podem usar outras partes do frango, porco, peru e até borrego ou peixe. São muito versáteis e ficam uma delícia.

No vídeo eu explico, passo a passo, como preparar cada uma destas marinadas mas também vos deixo aqui o método de preparação. 
Espero que seja do vosso agrado.
Não se esqueçam, podem usar a caixa de comentários e/ou o email de contacto para deixarem a vossa opinião e as vossas sugestões.


Receitas:
Limão e 5 pimentas:
- 1 colher de chá de mistura de 5 pimentas
- 1 colher de chá de raspa de limão
- 3 colher de sopa de sumo de limão
- 1 pitada de sal
- 2 dentes de alho
- 2 colheres de sopa de azeite

BBQ:
- 1 chávena de molho barbecue
- 2 dentes de alho
- 1 pitada de sal
- Tabasco Chipottle a gosto
- 1 colher de chá de paprika
- 2 colheres de sopa de azeite

Lima e gengibre:
- 3 colheres de sopa de azeite
- 1 dente de alho
- 1 pitada de sal
- pimenta branca q.b.
- sumo e raspa de 1 lima
- 1 colher de sopa de gengibre fresco ralado
- 2 colheres de chá de mel

Limão e ervas:
- 2 colheres de sopa de azeite
- 2 dentes de alho
- 1 pitada de sal
- pimenta branca q.b.
- 2 colheres de sopa de salsa e alecrim picados
- 1 colher de chá de tomilho picado
- 3 colheres de sopa de sumo de limão

- Podem congelar por até 1 mês e tirar do congelador para descongelar durante a noite no frigorífico.
- Podem cozinhar por 35 minutos no forno (pré-aquecido) a 200 graus, no grelhador ou no churrasco.


Entretanto, não se esqueçam de subscreverem o meu canal do Youtube, se gostarem do vídeo deixem o vosso 'like', partilhem com os vossos amigos o mais que puderem (acreditem é mesmo importante para mim) e deixem sugestões, o que é que gostavam de ver no canal, tipos de vídeos, tipos de receitas e essas coisas todas.
Muito obrigado a todos por assistirem e ajudarem o canal a crescer.
Um beijo,
Cláudia Ralha
Hoje, dia 16 de Outubro, comemora-se o Dia Mundial do Pão e eu aceitei o convite do World Bread Day para partilhar com vocês uma deliciosa receita de pão, neste dia em que se comemora também o Dia Mundial da Alimentação.

Aqui, pelo blogue, tem aparecido imensas receitas de pão e isso deve-se ao facto de, cada vez menos, comprar pão. Enquanto vivi na minha terra natal, sempre consumi o pão da padaria dos meus tios. Quando me mudei para Vila do Conde, procurei a padaria da freguesia e passei a ser cliente. Eles entregam o pão em casa, o que me dava algum jeito pois ainda moro um pouco afastada. A verdade é que, o pão era praticamente todo branco, mal cozido e, no inverno, o facto de o colocarem apenas num saco fininho, a chuva fazia com que acabasse com o pão todo molhado. Deixei de ser cliente e comecei a comprar pão no supermercado mas a leitura mais atenta dos rótulos rapidamente me motivo a começar a preparar o meu próprio pão. Foi assim que comecei.

Agora faço pão ao fim de semana, corto em fatias e congelo. Toda a semana temos pão caseiro que sai do congelador para a torradeira/forno. Ainda passei a fazer as tortilhas, pães pita, massa de pizza e todas estas coisas. Tenho ainda na ideia passar a fazer a minha mistura de farinhas para pão de cereais, porque apesar de comprar uma com diversas farinhas diferentes como aveia, espelta, trigo sarraceno, entre outras, tem algumas coisas naquele rótulo que não me agrada. Por isso vou investigar e sou menina para comprar as diversas farinhas e misturar tudo em casa. Mas depois conto-vos tudo.
Agora deixo-vos com este pão de cereais que ficou uma verdadeira delicia. Espero que gostem e que vos motivo a colocar mãos à obra.


Ingredientes:
- 200gr de farinha de trigo
- 300gr de mistura de farinhas para pão de cereais
- 30gr de fermento padeiro fresco
- 1 e 1/2 colher de chá de sal
- 420ml de água morna
- mistura de sementes q.b.


Preparação:
Numa taça coloque a farinha de trigo juntamente com a mistura de farinhas para pão de cereais. Misture bem e abra uma covinha ao meio.
De um lado da farinha coloque o sal e reserve.
À parte, dissolva o fermento na água morna e acrescente à mistura de farinhas.
Misture tudo com a colher de pau.

O processo é praticamente o mesmo do outro pão que partilhei com vocês.
Tape com película aderente e coloque a massa a levedar num local seco e sem correntes de ar.
Deixe levedar durante 1:30h.
Passado esse tempo, coloque a massa numa bancada polvilhada com farinha e dobre a massa a meio. Volte a polvilhar com farinha e volte a dobrar. Deixe repousar meia hora.

Entretanto ligue o forno nos 200ºC e dentro dele coloque um tacho de barro com tampa. Assim, enquanto a massa repousar os 30 minutos, o tacho aquece. 
Depois dos 30 minutos, retire o tacho do forno com muito cuidado, polvilhe-o com farinha e coloque a massa dentro dele. Polvilhe a massa com mistura de sementes.
Tape o tacho e leve ao forno por 30/35 minutos, depois destape-o e deixe no forno mais 10 minutos para ganhar uma boa crosta.
Bom apetite!


Ai que festa! Hoje bem podia ser a comemoração de um aniversário porque... vão haver muitos, mas muitos presentes para distribuir! O blogue Arco-íris na Cozinha em parceria com mais cinco bloggers vossas conhecidas (Arco-íris na CozinhaReceitas para a Felicidade, Receitas da Belinha Gulosa, Histórias e Aromas, Cozinha da Anita, Prazer da Cozinha), organizou um mega sorteio para os melhores seguidores do mundo, vocês!
Várias marcas incríveis juntaram-se a nós neste mega sorteio, para vos trazer os melhores prémios de sempre, nomeadamente, BornerPorto EditoraA Metalúrgica, Tupperware, ImporChaLunch-ItTotto e A Ideia dos Pacotes. Vamos premiar cinco felizardos e os prémios são incríveis e falam por si... ora vejamos!
Prémios:
Regras:
  • Ser residente em Portugal (Continental ou Ilhas);
  • O sorteio tem início no dia 16 de Outubro de 2017 e termina no dia 22 de Outubro de 2017;
  • Podes partilhar o passatempo no Facebook uma vez por dia e colar na aplicação o link da partilha, aumentando a probabilidade de ganhar este prémio, mas a partilhe tem que ser público. Entradas inválidas não serão consideradas;
  • O vencedor é seleccionado aleatoriamente através da aplicação Rafflecopter;
  • O vencedor será contactado por e-mail para fornecer os seus dados pessoais e tem 48 horas para o fazer, caso contrário será sorteado outro vencedor;
  • Os prémios serão enviados pelas marcas envolvidas no sorteio, nomeadamente, Borner, Porto Editora, A Metalúrgica, Tupperware, ImporCha, Lunch-It, Totto e A Ideia dos Pacotes.
Fim de semana, Yeahhhhhhhhhhhhhh! Até se deve ouvir este meu grito no Porto! Ok, ok, o Porto também não é assim tão longe de Vila do Conde. Mas, seja como for, eu estou feliz e satisfeita porque esta semana, finalmente, chegou ao fim. Sinto que preciso dormir umas 36 horas. Só. Até nem é muito...
Bem, finalizamos semana com uma receita doce, deliciosa e decadente. Uma receita classificado com o selo 3 D's (acabei agora mesmo de inventar isto e até nem está mau para uma pessoa que sente que foi atropelado por um autocarro). E sim, é mais uma receita em vídeo porque eu tenho apostado no canal do Youtube e estou a tentar publicar três vídeos por semana. Tenho a certeza que esta meta vai ser difícil de cumprir, já o queria ter feito a semana passada e não consegui, mas esta semana deu-se o milagre a aqui está o terceiro. 
A minha ideia é que dois desses vídeos sejam receitas e o terceiro seja de truques e dicas, compras, unboxing... (aceitam-se sugestões, digam-me o que gostavam de ver nos meus vídeos). 

E pronto, chega de paleio e vamos mas é à receita que, isso sim, é importante.
Bom fim de semana meus amores, divirtam-se, descansem e aproveitem ao máximo!

P.S.: Se vierem o vídeo vão perceber o porquê do título.


Ingredientes:
- 2 ovos 
- 100gr de chocolate negro com pelo menos 50% de cacau
- 2 colheres de sopa de açúcar mascavado
- uma pitada de sal
- 2 colheres de sopa de manteiga + um pouco para as formas
- 1 colher de chá de essência de baunilha
- 2 colheres de sopa de farinha de trigo
- cacau para as formas

Preparação:
Comece por ligar o forno nos 200ºC. Este ponto é importante, ligue o forno logo no início.
Parta o chocolate, adicione a manteiga e derreta ambos. Pode fazê-lo no microondas ou em banho maria. Quando estiver derretido e com um creme homogéneo, adicione os ovos, um a um. Junte depois o açúcar e bata bem. Acrescente a essência de baunilha e uma pitada de sal. Adicione a farinha e envolva bem. 

Prepare as forminhas. Unte com manteiga e polvilhe com cacau em pó. 
Divida a massa pelas formas e está pronto a colocar no forno.

O forno deve estar quente, à temperatura de 200ºC.
Coloco as formas no forno e deixo cozer exactamente entre 4 a 5 minutos. Passado esse tempo espeto um palito nas beiras dos bolinhos e no centro. A ideia é as paredes laterais do petit gateau estarem cozidas e por isso o palito sair seco. O interior deve estar húmido e por isso o palito sai com massa. 
O bolo necessita de estrutura, ou seja, as laterais têm de estar bem cozidas para aguentarem o interior mal cozido. Quando isto não acontece o bolo desfaz-se. Se acharem que necessita de um pouco mais de forno deixem mais um minuto, sempre de olho para não cozer demais.
Para desenformar o melhor é virar o bolinho para o prato no qual vai servir.

O segredo passa também, por conhecerem bem o vosso forno. No meu, 200ºC, forno quente, 4 minutos é suficiente e fica bem ao nosso gosto, com o interior cremoso. O tamanho das formas também conta muito, estas que uso no vídeo são bem pequeninas se usarem maiores vai precisar de mais tempo.
Se não correr bem à primeira não desanimem e continuem a experimentar, aprendendo sempre com a tentativa anterior.
Bom apetite!

Entretanto, não se esqueçam de subscreverem o meu canal do Youtube, se gostarem do vídeo deixem o vosso 'like', partilhem com os vossos amigos o mais que puderem (acreditem é mesmo importante para mim) e deixem sugestões, o que é que gostavam de ver no canal, tipos de vídeos, tipos de receitas e essas coisas todas.
Muito obrigado a todos por assistirem e ajudarem o canal a crescer.
Um beijo,
Cláudia Ralha

Sexta feira é dia de sugestão de ementa semanal. 


Sobremesa para o fim de semana: Petit Gateau de Limão

Nota: Começamos as nossas refeições sempre com sopa e acompanhamos (quase sempre) com salada.

No Domingo partilhei na minha conta de Instagram (quem ainda não me segue, faça favor de se redimir ehehe) uma foto de uns pães bem levedados. Tratavam-se dos meus pães pita. Aproveitei que o forno estava ligado para preparar o almoço de Domingo e assim rentabilizei o gasto energético. Fiz o pão para comermos durante a semana, fiz um bolo e ainda os tais pães pita que foram o nosso jantar num destes dias (depois mostro). 
A receita dos pães já anda pelo blogue mas pediram-me para voltar a partilhar e é isso que eu estou a fazer. Acreditem que pode parecer trabalhoso mas, tirando o processo de bolear a massa e mesmo esse apanhando o jeito torna-se fácil, tudo o resto é muito simples e no final ficam com uns pães maravilhosos.


Ingredientes:
- 500g de farinha de trigo sem fermento
- 1 colher de chá de sal fino
- 2 colheres de chá de açúcar refinado
- 20gr de fermento padeiro fresco
- 50ml de azeite
- 250ml de água morna

Preparação:
Numa taça coloquem a farinha, o açúcar e o sal de um lado. Dissolvam o fermento na água morna e adicionem à farinha, juntamente com o azeite. Envolvam bem.
Coloquem a massa na bancada polvilhada com farinha e amassem durante 5 minutos. A massa deve deixar de ficar pegajosa, se necessário polvilhe com um pouco de farinha. 
Coloquem a massa na taça, tapem com película aderente e deixem levedar até dobrar de volume, sem apanhar correntes de ar. 

Passado o tempo necessário para a massa dobrar de tamanho, coloquem-na novamente na bancada com um pouco de farinha. Dividam a massa em 10 pedaços iguais e agora chegou o momento de bolear a massa. Este vídeo ajudou bastante, vejam aqui como bolear a vossa massa.

Deixem descansar por 15 minutos. 
Estendam cada bolinha de massa em forma de disco. 
Coloquem os vossos pães num tabuleiro forrado com papel vegetal e levem ao forno pré-aquecido a 200ºC, durante 5 minutos +/-. 

Depois de cozidos é só abrir e rechearem como mais gostarem. 
Bom apetite.
Hoje temos mais uma receita em vídeo. É verdade, têm aparecido cada vez mais receitas assim, aqui pelo blogue. Mesmo assim eu continuo a escrevê-las aqui, mas acho que o vídeo é um bom complemento. Por vezes, ao lerem a descrição da receita, podem ficar com alguma dúvida e no vídeo conseguem tira-la de certeza.
Para além de tudo isso, o canal de Youtube tem-me ajudado a atingir outras pessoas a quem eu não chegava com o blogue.
Infelizmente, a qualidade da imagem não está melhor. Como já vos expliquei, a minha máquina está velhota, eu até já comprei uma nova mas estou a aguardar (e a desesperar) que chegue. É chato quando compramos algo que nos faz falta e estamos há um mês à espera que chegue. Sinceramente, acredito que com a máquina nova a qualidade do vídeo vai aumentar. Não irão passar a ser vídeos profissionais, como se vê muitos por aí, mas se a imagem e o som for melhor, eu já fico feliz. Até porque sou eu que faço tudo, gravo, realizo, produzo, edito.... tu eu ehehehe

Mas vamos à receita que isso sim, é importante. Então trago-vos uns torcidos de massa folhada com queijo e bacon, eles foram o nosso jantar num destes dias, acompanhados por uma bela sopinha. Soube mesmo bem. 
Espero que gostem.


Ingredientes:
- 1 placa de massa folhada 
- 3 colheres de sopa de mostarda de Dijon
- 150gr de queijo mozzarella ralado 
- 10 fatias de bacon
- 1 ovo batido

Preparação:
Desenrole a massa folhada e pincele-a com a mostarda. Por cima polvilhe com o queijo e disponha as fatias de bacon. Dobre a massa de forma a tapar o recheio.
Com uma faca ou o cortador de pizza, corte tiras com 1cm de largura.
Torça as tiras de massa, com cuidado para não perder o recheio e disponha cada uma delas num tabuleiro forrado com papel vegetal.
Bata o ovo e pincele os torcidos.
Leve ao forno pré-aquecido a 200ºC até estarem cozidos e douradinhos.
Bom apetite.


Espero que gostem do vídeo. Deixem os vossos comentários com sugestão, são sempre muito bem vindos.
Ah e se ainda não me seguem no Youtube, não se esqueçam de subscrever. Vêm aí mais vídeos e quando atingir os 500 seguidores haverá um passatempo especial!!!! :)
Nunca tinha feito um risoto na vida, mas tinha no armário, um quilo de arroz próprio que o Bom Sucesso me tinha enviado. O facto de ter caldo caseiro e parmesão no frigorífico levaram-me a colocar o medo de lado e experimentar fazer esta receita. Confesso-vos que foi extremamente apreciada. Eu deliciei-me e o Bruno fartou-se de elogiar. Desde aí já repeti esta receita algumas vezes e correu sempre tudo muito bem. Hoje partilho com vocês.
É verdade que o risoto é um prato de amor. Quando se começamos a preparar, sabemos de durante uns 25/30 minutos não podemos sair de perto dele, mas no final compensa em cada garfada.


Ingredientes:
- 1/2 chouriço de carne
- azeite q.b.
- 1 cebola
- 1 medida de arroz para risoto Bom Sucesso
- 1/2 chávena de vinho branco
- 1 1/2 medida de caldo de frango caseiro
- 2 colheres de sopa de molho de tomate
- 1 colher de sopa de manteiga
- 2 chávenas de espinafres em folha
- queijo parmesão q.b.


Preparação: 
Pique a cebola e leve-a ao lume com um fio de azeite. Refogue um pouco e adicione o chouriço cortado em cubos.
De seguida junte o arroz, misture bem e cozinhe até ficar translúcido.
Refresque com o vinho branco e deixe-o evaporar completamente.
Nessa altura acrescente o molho de tomate e o caldo de frango previamente aquecido (o meu já estava temperado por isso não adicionei mais nenhum tempero, tenha isso em atenção e, se necessário, tempere o seu risoto).
Deixe cozinhar e quando o arroz estiver quase cozido e sem líquido, acrescente os espinafres e a manteiga. Envolva bem.
Sirva polvilhado com queijo parmesão ralado.
Bom apetite.

No mês passado partilhei com vocês o vídeo das minhas compras no Lidl. Foi a minha primeira experiência neste campo mas teve uma recepção tão boa (é o meu vídeo mais visto até ao momento) que eu tive de repetir. 
Este mês, ao voltar ao Lidl decidir repetir a graça e fazer novo vídeo.
Vamos às compras? 


Espero que gostem do vídeo. Deixem os vossos comentários com sugestão, são sempre muito bem vindos.
Ah e se ainda não me seguem no Youtube, não se esqueçam de subscrever. Vêm aí mais vídeos e quando atingir os 500 seguidores haverá um passatempo especial!!!! :)
Tenho esta receita em lista de espera há semanas! Acreditem, mesmo há semana...
Um sábado, fui fazer as compras semanais, quando à espera da minha vez na charcutaria vejo um fiambre 'diferente'. Trava-se de um fiambre de peru com ervas. Fiquei muito curiosa e resolvi pedir à menina que me atendeu uma fatia daquele fiambre com um dedo de altura. A minha ideia era depois corta-lo em cubos para adicionar, por exemplo, às saladas.
Já em casa, lembrei-me que há imenso tempo não comia uns ovos rotos, petisco que amo de paixão. Decidi então usar o fiambre de peru em vez do tradicional chouriço e, só vos posso dizer, ficou maravilhoso. 
Esta pode não ser a forma mais saudável de começar a semana mas, garanto-vos, é a mais deliciosa. Boa semana a todos.


Ingredientes:
- 100gr de fiambre de peru com ervas cortado aos cubinhos
- 2 batatas
- 1 cebola
- 1 dente de alho
- 2 ovos
- sal e pimenta q.b.
- azeite q.b.
- salsa picada a gosto
- 1 colher de chá de farinha


Preparação:
Eu decidi preparar as minha batatas no forno, mas vocês pode fritá-las em óleo ou azeite. 
Pré-aqueça o forno a 200ºC e e prepare um tabuleiro com papel vegetal.
Corte as batatas em palitos e transfira para uma taça grande.
Adicione a farinha, um pouco de azeite, tempere com sal e a pimenta e misture bem. Espalhe as batatas no tabuleiro, numa camada única. Leve ao forno até ficarem douradinhas e crocantes.
Descasque a cebola e corte-as às rodelas finas. Coloque numa frigideira com um fio de azeite e o dente de alho bem picadinho. Leve ao lume e deixe cozinhar até a cebola amolecer.
Adicione o fiambre em cubinhos e cozinhe um pouco.
Retire as batatas do forno e adicione à frigideira, envolvendo muito bem. 
Abra uma cavidade e junte os ovos. Envolva bem para que os ovos cozinhem ligeiramente.
Retire do lume e sirva polvilhado com salsa picada.
Bom apetite.