Petit Gateau de Limão

Hoje é o dia do petit gateau o que me fez adiantar a publicação deste post. Achei que era giro, já que é o dia do mesmo, partilhar com vocês uma receita de petit gateau um pouco diferente do habitual, de limão.
A verdade é que já fiz esta receita três vezes, sempre em busca de fazer uma ou outra actualização, de forma a ficar mais satisfeita com o resultado final. A última experiência foi a que mais de agradou. A questão é que, para o meu gosto pessoal, se este petit gateau ficar muito líquido no meio (como por acaso manda a tradição do petit gateau) eu acho-o demasiado enjoativo. Posto isto, nas duas vezes seguintes que testei a receita, deixei-o cozer um pouco mais, ficando com o centro do bolinho cremoso em vez de líquido. Posso-vos dizer que adorei! Tornou-se muito mais fácil de comer até ao fim. Por isso, se vocês quiserem experimentar mais líquido, apenas têm de o cozer menos tempo (uns 2 ou 3 minutos a menos será o suficiente). Mas experimentem, o sabor a limão deixa-o maravilhoso.
Boa semana a todos.


Ingredientes:
- 100gr de chocolate branco
- 2 colheres de sopa rasas de açúcar mascavado
- raspa e sumo de 1 limão
- 2 colheres de sopa de manteiga sem sal
- 50gr de farinha de trigo
- 1/2 colher de chá de fermento
- 1 pitada de sal
- 2 ovos

Preparação:
Ligue o forno nos 200ºC.
Parta o chocolate e coloque-o numa taça com a manteiga. Aqueça em banho maria até a manteiga e o chocolate derreterem. Mexa bem até ficar cremoso.
Retire do calor e adicione o sal, a raspa e o sumo de limão. Envolva bem e reserve.

Noutra taça coloque o açúcar mascavado e os ovos. Bata até começar a fazer espuma. 
Adicione a farinha e o fermento peneirados e envolva bem. 
Por fim, junte a mistura de chocolate branco e envolva.

Unte dois ramekins com um pouco de manteiga e polvilhe com açúcar.
Divida a massa pelos ramekins e coloque no forno. 
Se preferir o petit gateau mais líquido no centro, deixe no forno por 11 minutos e teste. As paredes laterais do bolinho devem estar cozidas (se espetar um palito este deve sair seco) enquanto que o meio deve estar líquido. 
Se o quiserem um pouco mais cozido deixem mais 2 ou 3 minutos, mas estejam de olho porque tão depressa está líquido como cozido demais. 
Tenham em atenção que este tempo que vos digo é para o meu forno, mas tudo irá depender do vosso. Eu deixaria o bolo 10 minutos no forno e depois começava a testar. Só conhecendo bem o vosso forno é que poderão ter sucesso neste tipo de receitas. Mas não desistam!

Para desenformar o melhor é virar o bolinho para o prato no qual vai servir.
Sirvam com frutos vermelhos e polvilhado com um pouco de açúcar em pó.
Bom apetite.