Diga amo-te à maneira italiana com Baci

Hoje, dia de S. Valentim, uma das prendas mais "recorrentes" é chocolates. E quem é que não gosta de um delicioso bombom que adoça qualquer momento das nossas vidas? E se esse bombom tiver, na sua criação, uma bonita história de amor? É este o caso de Baci.

Baci tem uma história de amor deliciosa que nasce em Perugia, uma cidade medieval no coração da Itália. Tudo começou quando uma jovem chocolateira criou um bombom especial para o seu amado. O confeito, originalmente chamado cazzotto (murro) pela sua forma de punho, foi embrulhado numa carta de amor, que ainda hoje faz de Baci um bombom único. Tudo era perfeito, excepto o nome... Requintado e doce como um beijo, um bacio em italiano, Baci adquiriu assim o seu nome. Essa romântica história de amor italiana é a origem de Baci, ícone de qualidade e símbolo de excelência e paixão. Um beijo é a essência de qualquer história de amor, e Baci é um simples gesto cheio de emoções, intemporal e infinito. "É a alegria de oferecer e o prazer de receber."
Por isso, neste dia dos namorados, diga "amo-te à maneira italiana" e ofereça Baci à sua cara metade.


Lançados pela empresa italiana Perugina em 1922, os bombons Baci tornaram-se rapidamente nos mais famosos de Itália e estão hoje presentes um pouco por todo o mundo. A marca Baci foi introduzida em Portugal em 1959 pela JMD e é detida actualmente pela Nestlé , que adquiriu a Perugina em 1988.
Vendidos internacionalmente há mais de 90 anos como símbolo do amor, os deliciosos bombons de chocolate recheados de avelã são envolvidos num papel romântico que traz internamente uma mensagem de amor e paixão.

Este ano a Baci aliou-se aos Cinemas NOS e vai oferecer um bombom a toda a gente que for hoje ao cinema! Se forem, aproveitem e vejam La La Land, eu amei!


Feliz dia de S. Valentim a todos vocês :)

E o meu muito obrigado à Baci e à Jerónimo Martins pela simpática oferta.