Tarte Frangipane de maçã

Se há programa que gosto é o Masterchef Austrália. Adoro e devoro os episódios, tiro notas e apontamentos como se fosse um daqueles chefs aprendizes.
Num desses meus rascunhos tinha a receita de uma tarde do chef Matt Moran. Admiro imenso este chef, a sua maneira de cozinhar, a forma clara com que passa os ensinamentos.
E o facto de saber que ele começou a sua carreira com uma loja de tartes faz-me admira-lo ainda mais.
Peguei na receita original dele e modifiquei para os ingredientes que tinha em casa.
Criou-se assim uma tarde “frangipane” de maçã que é a preferida cá de casa. Repito-a muitas e muitas vezes.

O blog tem tido um crescimento muito bom, que me tem feito muito feliz. Consigo analisar através do número de visitas, nos emails que recebo e até no Facebook. Tudo isso faz com que tenha cada vez mais vontade de por cá andar e enquanto vocês estiverem por aí, eu cá estarei. Obrigado por tudo!






Ingredientes para a massa:
375gr de farinha
50gr de açúcar em pó
200gr de manteiga
1 ovo

Preparação da massa:
Eu faço a massa tal e qual como vi o chef faze-la, num processador de alimentos, vulgo picador.
Coloca-se a farinha, o açúcar e a manteiga e liga-se o picador até ficar em migalhas.
Adiciona-se o ovo e volta-se a ligar o picador.
Coloca-se sobre a bancada de trabalho, forma-se uma bola e embrulha-se em película aderente. Vai ao frigorífico pelo menos 1 hora.

Ingredientes para a base Frangipane:
125gr de manteiga
125gr de açúcar
2 ovos e 1/2
25gr de miolo de amêndoa
20ml de rum ou outro licor a gosto

Preparação:
Numa tigela coloca-se a manteiga à temperatura ambiente e o açúcar. Bate-se tudo.
Adiciona-se os ovos e bate-se. Para o meio ovo faz-se o seguinte, bate-se o ovo inteiro mas utiliza-se apenas metade.
Por último junta-se o miolo de amêndoa e o licor.
Retira-se a massa do frigorífico. Esta vai ser muita, eu costumo utilizar metade e congelar a outra metade.
Unta-se uma tarteira com manteiga.
Em cima da bancada estica-se a massa com cuidado, para forrar a tarteira. Em após esticar a massa, costumo enrola-la no rolo e depois coloco sobre a tarteira.
Deixa-se repousar 15 minutos no frigorífico.

Após este tempo, pincela-se a massa com uma geleia ou compota a gosto. Eu usei geleia de marmelo, mas também deve ficar muito bom com compota da fruta que usarmos para a tarte.
Por cima, coloca-se o creme Frangipane e as frutas. Neste caso massa laminada.
Leva-se ao forno pré-aquecido a 180º durante +/- 30 a 40 minutos, depende do forno.

Depois da tarte cozida, pincela-se o topo com a mesma geleia ou compota que usamos para pincelar a massa. Fica deliciosa e com uma apresentação mais bonita.